A história de uma Miss

A história de uma Miss

 

Parece que a vida é escrita mesmo por linhas tortas, Deus criou o homem e a mulher e o Diabo com recalque criou o viado, a vida é mesmo muito estranha mais estranha ainda para os gays, vocês logo logo vão entender o porque.

A famosa Miss Rafaella Petronetto antes de colocar as suas duas proteses de silicone era um empresário gay muito bem sucedido, batia as suas boas portas por toda Milão, na Restelly, Cenisio, Melchiore Gioia e etc.. Mas a fama, o assedio dos senhores generosos e muito dinheiro subiram para a sua cabecinha!

Alugou os melhores carros da europa, Mercedz Benz , Bmw, e até mesmo Jaguar, até atropelar um cidadão italiano da terceira idade e ir parar atrás das grades, venceu um título, não de Miss Universo mais venceu o título de ”Miss Generosidade”! Ela era muito generosa, a nossa Miss Rafella Hurley adorava gastar o dinheiro que ganhava com os seus programas nas ruas de Milão com os seus maridos, sustentava todos e ostentava mesmo, e ninguém pode dizer que a Miss é racista, com o seu bom coração ela sustentou maridos de todas as raças: croatos, italianos ,brasileiros, romenos, e até mesmo marroquinos, o que podia ela gastava sustentando e ostentando todos eles.

Rafaela foi a primeira a receber a cidadania italiana pagando para um cidadão italiano reconhece-la como filho e pagou muito bem os seus quase 10 mil euros ao advogado fugitivo da policia italiana o doutor Roberto, várias outras tentaram e foram tombadas.

Organizou festas nas discotecas de Milão, camarotes e até mesmo “Il Privê della Miss”. O problema é que depois de colocar as suas proteses de silicone velho a mesma começou a penar, e penar, daí teve que começar a colocar “filhinhas na sua casa para pagar a “Famosa diaria”. E a mesma voltou aos close magros e a gastar e gastar, e tinha como melhor amiga a nossa querida Paranaense e toda mondrongada “Greice Cantarelli”  que também é miss, “Miss deportação”. Sem a greice na Italia para defendêla a mesma apanhou na cara de várias Deusas milanesas: Walquiria Mulherzinha, Helen Negão, Andressa Bellíssima, Celine Fernandes, da tal janine Rios e etc… virou um saco de pancada. Mais por onde anda o sucesso da Miss agora? O que ela anda fazendo depois de tanto sucesso?

Fontes seguras afirmam ter visto a nossa querida Miss nos ônibus e metropolitanas de Milão, isso é normal em um país de primeiro mundo gente, ricos também usam os meios de transporte público porém não fazem extra na porta das discotecas controlando a lista como PR e não vendem o pó branco kkkkkk escondido das autoridades um reato gravissimo…

E quando a nossa querida e Miss vai para o Brasil? Nesses seus 13 anos na Itália ela tem só uma Kitinete em São Paulo e vocês que a mesma depois de tantos closes furados conseguirá viver e fazer o  “Xuxu” (barba) no seu pequeno buraco? Escrevam os seus comentários beijos a todos e todas.

Bye Laurinha Figueroa.

FacebookTwitterGoogle+WhatsAppShare

5 thoughts on “A história de uma Miss

  1. Meu deus que história triste, jogou dinheiro fora, nesses tempo di crise nunca
    Mas vai recuperar, final triste
    Mesmo lagrimasdsss

  2. eu acho engraçado, essa mona dava tanto close, me olhava de cara feia e me chamava de gay, um close só aonde ela achou todo essa humildade desses áudios que ela está fazendo?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *